Café : Semana : Café volta a cair em NY, mas ainda respeita linha de US$ 1,20 – 12/03/2018

Porto Alegre, 09 de março de 2018 – As cotações do café arábica voltaram a cair nesta semana na Bolsa de Mercadorias de Nova York (ICE Futures  US), depois de breve ajuste positivo. Entretanto, o mercado ainda respeita a linha de US$ 1,20 por libra-peso quando recua, mas chegou a trabalhar abaixo deste patamar no pregão desta quinta-feira (07/03).

Segundo o consultor de SAFRAS & Mercado, Gil Barabach, essa consistência de NY em ficar acima de US$ 1,20 “vai consolidando um denso fundo para o preço do arábica na bolsa nova-iorquina. Contudo, vem falhando seguidamente nas tentativas de reação”, pondera. O otimismo em relação à próxima safra brasileira, apesar de alguma preocupação com pragas, e a postura
tranquila do comprador neste final de inverno no Hemisfério Norte ajudam a entender o comportamento do mercado, avalia.

“O sobe-e-desce do café na Ice Futures está muito mais atrelado ao reposicionamenteo de carteira de fundos ou a alguma influência do dólar, do que a novidades fundamentais”, afirma Barabach. Por isso, o mercado segue sem mudança significativa em sua tendência, ainda dentro de um cenário de acomodação negativa, diz.

No balanço da semana, o contrato maio do arábica até esta quinta-feira acumulou baixa de 1,5%, já que fechara a semana anterior a 122,20 centavos de dólar por libra-peso (02/03) e encerrou a sessão deste dia 07 a 120,30 cents.

O mercado físico doméstico de café voltou a cair nos primeiros dias de março. Com isso, não só dá sequência ao traçado de baixa que predomina desde 2017, como, inclusive, acentua a queda deste primeiro trimestre de 2018, contrariando expectativas dos vendedores.

Para Barabach, o primeiro ponto que explica esse comportamento é, sem dúvida, a falta de força na Ice Futures. “Embora a bolsa nova-iorquina desenhe um fundo acima de 120 centavos, não consegue avançar com consistênciaacima desse patamar, o que limita as investidas de alta nos preços”, avalia. O segundo fator é o dólar, que apesar de movimentos rápidos e inconstantes
de alta, assume uma trajetória lateral, com leve viés de baixa no curto prazo.

“Nesse cenário externo adverso, o vendedor apostava muito mais nos efeitos internos, como o avanço da entressafra e a escassez na oferta disponível de algumas descrições. A ideia é que o aperto interno pudesse criar um ambiente para descolamento do mercado em relação ao referencial externo e, a partir disso, abrir lacunas para alta das cotações. Só que isso
não vem acontecendo”, afirma o consultor.

Ele diz que a demanda externa continua curta e, até certo ponto, indiferente ao aperto interno na oferta. “É verdade que o fluxo externo brasileiro vem caindo, mas os embarques mundiais estão crescendo. Alguém está ocupando o espaço do Brasil. E o comprador continua sem dificuldade para encontrar café”, observa. A necessidade de origem Brasil nos blends vem sendo
suprida pelos estoques acumulados nas compras de café do Brasil nas temporadas anteriores, onde o país bateu recorde de embarques. Nesse sentido, o comprador mundial alonga estoques, se abastece da “mão-pra-boca” em outras origens e aguarda a chegada da safra recorde brasileira, analisa.

Fonte : Safras & Mercado

0 comentário(s)

Escreva um comentário:

Nome:
E-mail:
Site: (opcional)
Comentário:

Outros artigosIr para página inicial

Café : Concorrência no café se acirra e empresas médias buscam diferencial – 22/06/2018

Café : Concorrência no café se acirra e empresas médias buscam diferencial – 22/06/2018(0)

Diante de um mercado com concorrência cada vez mais acirrada — sobretudo por causa do avanço de grandes empresas —,  as companhias médias de café do país, que têm atuação mais regional, apostam em serviços e inovações para continuar a crescer. Isso também tem permitido que resistam ao assédio das grandes, que  nos últimos anos

Café : Semana : Comercialização de café do Brasil 2018/19 atinge 24% – 22/06/2018

Café : Semana : Comercialização de café do Brasil 2018/19 atinge 24% – 22/06/2018(0)

Porto Alegre, 22 de junho de 2018 – A comercialização da safra de café do Brasil 2018/19 (julho/junho) chegou a 24% até o dia 18 de junho. O dado faz parte de levantamento de SAFRAS & Mercado. No último mês, a comercialização avançou em nove pontos percentuais. As vendas estão avançadas em relação ao ano,

Agronegócio : Tecnologias focadas na nutrição do solo ganham destaque na Hortitec – 21/06/2018

Agronegócio : Tecnologias focadas na nutrição do solo ganham destaque na Hortitec – 21/06/2018(0)

Tendências de mercado, soluções à base de aminoácidos facilitam aproveitamento de nutrientes e equilíbrio biológico Será apresentada durante a Hortitec, exposição técnica de horticultura, que ocorre entre os dias 20 e 22 de junho, em Holambra (SP), a Linha Solo desenvolvida pela Alltech Crop Science, que tem como objetivo melhorar as condições para o desenvolvimento

Café : Região do Cerrado Mineiro participa da World of Coffee em Amsterdam – 21/06/2018

Café : Região do Cerrado Mineiro participa da World of Coffee em Amsterdam – 21/06/2018(0)

Mais uma vez a Federação dos Cafeicultores do Cerrado leva a Região do Cerrado Mineiro para expor sua origem e seus cafés para o mercado europeu, desta vez na World of Coffee que acontece em Amsterdam, Holanda. O evento é organizado pela SCA – Associação de Cafés Especiais e reúne milhares de visitantes na maior

Café : Mercado em Nova York deve manter inclinação baixista – 21/06/2018

Café : Mercado em Nova York deve manter inclinação baixista – 21/06/2018(0)

São Paulo, 21/06/2018 – O mercado futuro de café arábica subiu ontem na Bolsa de Nova York (ICE Futures US), interrompendo uma sequência de cinco pregões consecutivos de queda. Os contratos se afastaram do suporte de 115,30 centavos de dólar por libra-peso, mas devem continuar pressionados pelo avanço da colheita no Brasil. O fim das



Cotações - Café, Dólar, Índices


  Café NY
Ativo
Último
Var.
Fech.
Julho/2018
113.85
Setembro/2018
116.95
Dezembro/2018
120.35
Março/2019
123.90
Maio/2019
126.30
 
  Café BMF
Ativo
Último
Var.
Fech.
Setembro/2018
136.50
-0.25
136.75
Dezembro/2018
140.50
+0.25
140.50
Setembro/2019
161.75
+3.00
152.55
Dezembro/2019
157.50
+0.95
156.45
 
  Café Londres Robusta
Ativo
Último
Var.
Fech.
Julho/2018
1724
Setembro/2018
1705
Novembro / 2018
1702
Janeiro/2019
1707
Março/2019
1716
 
  Dólar
Ativo
Último
Var.
Fech.
Comercial
3.7840
Paralelo
3.9200
Turismo
3.9200
PTAX800
3.76570
PTAX850
3.76630
 
  Dólar Futuro
Ativo
Último
Var.
Fech.
Julho/2018
3786.000
Agosto/2018
3781.500
 
  Índice Bovespa Futuro
Ativo
Último
Var.
Fech.
Agosto/2018
70980
 


Início

Copyright © 2000 - 2014 - Café da Terra. Todos os direitos reservados.