Café : Semana : Café volta a cair em NY, mas ainda respeita linha de US$ 1,20 – 12/03/2018

Porto Alegre, 09 de março de 2018 – As cotações do café arábica voltaram a cair nesta semana na Bolsa de Mercadorias de Nova York (ICE Futures  US), depois de breve ajuste positivo. Entretanto, o mercado ainda respeita a linha de US$ 1,20 por libra-peso quando recua, mas chegou a trabalhar abaixo deste patamar no pregão desta quinta-feira (07/03).

Segundo o consultor de SAFRAS & Mercado, Gil Barabach, essa consistência de NY em ficar acima de US$ 1,20 “vai consolidando um denso fundo para o preço do arábica na bolsa nova-iorquina. Contudo, vem falhando seguidamente nas tentativas de reação”, pondera. O otimismo em relação à próxima safra brasileira, apesar de alguma preocupação com pragas, e a postura
tranquila do comprador neste final de inverno no Hemisfério Norte ajudam a entender o comportamento do mercado, avalia.

“O sobe-e-desce do café na Ice Futures está muito mais atrelado ao reposicionamenteo de carteira de fundos ou a alguma influência do dólar, do que a novidades fundamentais”, afirma Barabach. Por isso, o mercado segue sem mudança significativa em sua tendência, ainda dentro de um cenário de acomodação negativa, diz.

No balanço da semana, o contrato maio do arábica até esta quinta-feira acumulou baixa de 1,5%, já que fechara a semana anterior a 122,20 centavos de dólar por libra-peso (02/03) e encerrou a sessão deste dia 07 a 120,30 cents.

O mercado físico doméstico de café voltou a cair nos primeiros dias de março. Com isso, não só dá sequência ao traçado de baixa que predomina desde 2017, como, inclusive, acentua a queda deste primeiro trimestre de 2018, contrariando expectativas dos vendedores.

Para Barabach, o primeiro ponto que explica esse comportamento é, sem dúvida, a falta de força na Ice Futures. “Embora a bolsa nova-iorquina desenhe um fundo acima de 120 centavos, não consegue avançar com consistênciaacima desse patamar, o que limita as investidas de alta nos preços”, avalia. O segundo fator é o dólar, que apesar de movimentos rápidos e inconstantes
de alta, assume uma trajetória lateral, com leve viés de baixa no curto prazo.

“Nesse cenário externo adverso, o vendedor apostava muito mais nos efeitos internos, como o avanço da entressafra e a escassez na oferta disponível de algumas descrições. A ideia é que o aperto interno pudesse criar um ambiente para descolamento do mercado em relação ao referencial externo e, a partir disso, abrir lacunas para alta das cotações. Só que isso
não vem acontecendo”, afirma o consultor.

Ele diz que a demanda externa continua curta e, até certo ponto, indiferente ao aperto interno na oferta. “É verdade que o fluxo externo brasileiro vem caindo, mas os embarques mundiais estão crescendo. Alguém está ocupando o espaço do Brasil. E o comprador continua sem dificuldade para encontrar café”, observa. A necessidade de origem Brasil nos blends vem sendo
suprida pelos estoques acumulados nas compras de café do Brasil nas temporadas anteriores, onde o país bateu recorde de embarques. Nesse sentido, o comprador mundial alonga estoques, se abastece da “mão-pra-boca” em outras origens e aguarda a chegada da safra recorde brasileira, analisa.

Fonte : Safras & Mercado

0 comentário(s)

Escreva um comentário:

Nome:
E-mail:
Site: (opcional)
Comentário:

Outros artigosIr para página inicial

Café : Clima : No Sul de Minas as temperaturas poderão chegar a 3º graus por volta do dia 8 de maio – 19/04/2018

Café : Clima : No Sul de Minas as temperaturas poderão chegar a 3º graus por volta do dia 8 de maio – 19/04/2018(0)

Segundo a Somar Meteorologia, existe a previsão da chegada de uma onda de frio no início de maio, depois de uma frente fria pelo Centro-Sul do Brasil. No Sul de Minas Gerais há uma estimativa de mínimas em torno de 3 graus por volta de 8 de maio, o que pode afetar o café que

Café : Mercado em NY começa a atentar para clima no Brasil – 19/04/2018

Café : Mercado em NY começa a atentar para clima no Brasil – 19/04/2018(0)

São Paulo, 19/04/2018 – O mercado futuro de café arábica subiu ontem na Bolsa de Nova York (ICE Futures US), interrompendo quatro pregões consecutivos de perdas. A queda da temperatura no Brasil, anunciando a aproximação da temporada de frio, pode ter contribuído para sustentar as cotações. O inverno oficial ainda está um pouco distante no

Café : INTL FCStone: Mercado de café deve atentar para clima no Brasil – 18/04/2018

Café : INTL FCStone: Mercado de café deve atentar para clima no Brasil – 18/04/2018(0)

São Paulo, 17 – O mercado de café deve concentrar atenção sobre o Brasil no fim do segundo trimestre, com acompanhamento da temporada de geadas, em junho. A expectativa é da consultoria INTL FCStone, em relatório trimestral sobre commodities agrícolas, divulgado nesta terça-feira . Conforme a FCStone, “a questão em si pode dar suporte aos

Café : NY deve tentar recuperação , depois de 4 quedas seguidas – 18/04/2018

Café : NY deve tentar recuperação , depois de 4 quedas seguidas – 18/04/2018(0)

São Paulo, 18/04/2018 – Os contratos futuros de café arábica voltaram a cair ontem na Bolsa de Nova York (ICE Futures US), pela quarta sessão consecutiva. O clima nas regiões produtoras brasileiras tem favorecido os cafezais e a expectativa é de entrada da nova safra no mercado dentro do período considerado normal, entre maio e

Café : Indústria do café teme que decisão dos EUA sobre alertas de câncer se popularize – 17/04/2018

Café : Indústria do café teme que decisão dos EUA sobre alertas de câncer se popularize – 17/04/2018(0)

O diretor da Organização Internacional do Café criticou a decisão tomada por um juiz dos Estados Unidos que está exigindo alertas de câncer no café vendido no Estado da Califórnia pela Starbucks e outras redes, expressando o temor de que tais selos se disseminem. “Sentimos que isso realmente não se justifica”, disse o brasileiro José Sette,



Cotações - Café, Dólar, Índices


  Café NY
Ativo
Último
Var.
Fech.
Maio/2018
-
-
114.25
Julho/2018
-
-
116.25
Setembro/2018
-
-
118.40
Dezembro/2018
-
-
121.90
Março/2019
-
-
125.45
 
  Café BMF
Ativo
Último
Var.
Fech.
Setembro/2018
144.70
+0.65
144.05
Dezembro/2018
144.80
-0.75
144.80
Setembro/2019
156.30
-2.30
154.40
Dezembro/2019
158.80
-0.25
158.80
 
  Café Londres Robusta
Ativo
Último
Var.
Fech.
Março / 2018
-
-
1777
Maio/2018
-
-
1730
Julho/2018
-
-
1767
Setembro/2018
-
-
1746
 
  Dólar
Ativo
Último
Var.
Fech.
Comercial
-
-
3.3920
Paralelo
-
-
3.5200
Turismo
-
-
3.5200
PTAX800
-
-
3.39710
PTAX850
-
-
3.39770
 
  Dólar Futuro
Ativo
Último
Var.
Fech.
Abril/2018
NA
NA
NA
Maio/2018
-
-
3387.500
 
  Índice Bovespa Futuro
Ativo
Último
Var.
Fech.
Abril/2018
-
-
85980
 


Início

Copyright © 2000 - 2014 - Café da Terra. Todos os direitos reservados.