Café : Safra global 2018/19 deve ter superávit, após déficit em 2017/18 – 05/02/2018

Porto Alegre, 05 de fevereiro de 2018 – A oferta global de café passará para um superávit na safra 2018/19, com o Brasil, maior produtor mundial, a caminho de uma colheita recorde, mas os preços devem subir ligeiramente no final do ano à medida que os países reabastecerem seus estoques, segundo uma pesquisa da Reuters com 14 operadores e analistas.

Os futuros do arábica tendem a avançar em 6,5% até o término de 2018, em comparação com o fim de 2017, enquanto o robusta deverá subir 4,8%.

A mediana das previsões aponta para um déficit de 3,15 milhões de sacas de 60 kg na oferta de café em 2017/18 (outubro a setembro) e para um excedente de 4 milhões de sacas em 2018/19.

Tal previsão é em grande parte puxada pelas expectativas de que o Brasil produzirá um recorde de quase 60 milhões de sacas neste ano, sendo 44 milhões de arábica e 16 milhões de robusta, conforme a média das estimativas da pesquisa.

As projeções variam de um total de 55 milhões a 65 milhões de sacas para a safra do Brasil. A estatal Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) prevê que o país produzirá de 54,44 milhões a 58,51 milhões de sacas em 2018, o que seria um recorde.

Já a safra de café 2019/20 do Brasil foi estimada em 54 milhões de sacas, sendo 39 milhões de arábica e 15 milhões de robusta.

O Vietnã, maior produtor mundial de robusta, deve colher 28,5 milhões de sacas em 2017/18, com estimativas indo de 27 milhões a 30 milhões de sacas.

Os preços spot do café arábica foram previstos na pesquisa para encerrar o primeiro trimestre de 2018 em 1,25 dólar por libra-peso, queda de 1% frente ao fechamento de 2017. As cotações devem encerrar 2018, por sua vez, em 1,344 dólar por libra-peso, alta de 6,5% em relação ao término de 2017, com estimativas que variam de 1 dólar a 1,85 dólar.

“O mercado se concentrará em um grande déficit em 2019/20 devido às bienalidades negativas e ao reduzido cultivo em todo o mundo, dados os preços baixos”, disse um comerciante, referindo-se ao ciclo natural do café, que alterna anos de alta e baixa produção.

Os preços do segundo contrato do robusta na ICE foram estimados para terminar o primeiro trimestre em 1.750 dólares por tonelada e o ano em 1.800 dólares, ante 1.718 dólares no fim de 2017.

A notícia parte da Reuters.

Fonte : Safras & Mercado

0 comentário(s)

Escreva um comentário:

Nome:
E-mail:
Site: (opcional)
Comentário:

Outros artigosIr para página inicial

Café : Colheita chega a 70% na Alta Mogiana (SP) – Cocapec – 16/08/2018

Café : Colheita chega a 70% na Alta Mogiana (SP) – Cocapec – 16/08/2018(0)

Porto Alegre, 15 de agosto de 2018 – A colheita da safra 2018/19 de café na região da conhecida como Alta Mogiana, no sudeste do estado de São Paulo já está na reta final, mas segue atrasada em relação à última temporada. O gerente de comercialização da Cooperativa de Cafeicultores e  Agropecuaristas (Cocapec), Jandir de

Café : Safras & Mercado estima colheita 2018/19 no Brasil em 88% até 14/agosto – 16/08/2018

Café : Safras & Mercado estima colheita 2018/19 no Brasil em 88% até 14/agosto – 16/08/2018(0)

Porto Alegre, 15 de agosto de 2018 – A colheita de café da safra brasileira 2018/19 foi indicada em 88% até 14 de agosto. O número faz parte do levantamento semanal de SAFRAS & Mercado para a evolução da colheita da safra. Na semana passada, o índice estava em 82%. Tomando por base a estimativa

Café :  Colheita dos cooperados da Cooxupé estava em 77,84% até 10/08 – 15/08/2018

Café : Colheita dos cooperados da Cooxupé estava em 77,84% até 10/08 – 15/08/2018(0)

Porto Alegre, 14 de agosto de 2018 – A colheita de café pelos cooperados da Cooxupé (Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé), que envolve as regiões do sul de Minas Gerais, cerrado mineiro e partes de São Paulo, estava em 77,84% até o dia 10 de agosto. É o que indica o levantamento semanal da

Café : Perdas em NY beiram os 30 % em 12 meses – 15/08/2018

Café : Perdas em NY beiram os 30 % em 12 meses – 15/08/2018(0)

São Paulo, 15/08/2018 – O mercado futuro de café arábica na Bolsa de Nova York (ICE Futures US) segue depreciado, acumulando retração de 29,36% em doze meses no contrato com vencimento em dezembro/18, o mais líquido. Este patamar foi atingido ontem, após a quinta sessão consecutiva em queda, quando o dezembro/18 perdeu 80 pontos (0,73%)

Café : Exportação de café solúvel do Brasil soma quase 2 mi sacas de janeiro a julho, diz Abics – 14/08/2018

Café : Exportação de café solúvel do Brasil soma quase 2 mi sacas de janeiro a julho, diz Abics – 14/08/2018(0)

SÃO PAULO, 13 Ago (Reuters) – As exportações brasileiras de café solúvel atingiram o equivalente a 1,958 milhão de sacas de 60 kg de janeiro a julho, permanecendo praticamente estáveis na comparação com o período igual de 2017, informou nesta segunda-feira a Associação Brasileira da Indústria de Café Solúvel (Abics). Nos primeiros sete meses de



Cotações - Café, Dólar, Índices


  Café NY
Ativo
Último
Var.
Fech.
Julho/2018
Setembro/2018
101.20
Dezembro/2018
104.70
Março/2019
107.95
Maio/2019
110.30
 
  Café BMF
Ativo
Último
Var.
Fech.
Setembro/2018
122.00
+0.70
121.30
Dezembro/2018
122.40
+0.00
122.40
Setembro/2019
133.20
-0.50
133.20
Dezembro/2019
137.50
-0.65
137.50
 
  Café Londres Robusta
Ativo
Último
Var.
Fech.
Julho/2018
Setembro/2018
1643
Novembro / 2018
1560
Janeiro/2019
1551
Março/2019
1558
 
  Dólar
Ativo
Último
Var.
Fech.
Comercial
3.9160
Paralelo
4.1000
Turismo
4.0900
PTAX800
3.93830
PTAX850
3.93890
 
  Dólar Futuro
Ativo
Último
Var.
Fech.
Julho/2018
NA
NA
NA
Agosto/2018
NA
NA
NA
 
  Índice Bovespa Futuro
Ativo
Último
Var.
Fech.
Agosto/2018
77275
 


Início

Copyright © 2000 - 2014 - Café da Terra. Todos os direitos reservados.